Central de agendamento: (19) 3886.2444 | 3876.3435 | 3836.3839 | 3836.3894 | Facebook

HIPERTENSÃO ARTERIAL

 

No organismo de um hipertenso, as artérias vão, progressivamente, perdendo elasticidade, ficam mais “endurecidas” e dificultam a passagem do sangue, razão pela qual o coração precisa exercer uma força maior para bombeá-lo. As alterações decorrentes desse esforço refletem em artérias de outros órgãos como rins, cérebro e retina.

Mas, qual a importância de controlar a hipertensão?

A hipertensão arterial reduz a expectativa de vida do paciente. A mortalidade por doença cardiovascular (DVC) aumenta progressivamente com a elevação da pressão. O fato é que, ao esforçar-se mais para bombear o sangue, o coração do paciente com pressão alta fica vulnerável e pode levar à insuficiência cardíaca. Além disso, em razão do aumento persistente da pressão arterial, pode haver alterações na estrutura e no funcionamento dos vasos, que podem se romper e causar o derrame cerebral e comprometer o funcionamento dos rins e da retina. Essas alterações também facilitam a formação de placas de gordura nas artérias coronárias, predispondo o indivíduo ao infarto agudo do miocárdio.

Fonte: http://www.fleury.com.br/saude-em-dia/artigos/Pages/a-importancia-de-controlar-a-pressao-arterial.aspx