Central de agendamento: (19) 3886.2444 | 3876.3435 | 3836.3839 | 3836.3894 | Facebook

MAMILOS RACHADOS OU SANGRANDO

Como cuidar das rachaduras nos mamilos para que elas parem de doer?

Nos primeiros dias, a amamentação pode provocar algum desconforto no começo de cada mamada.

Mas mamilos doloridos, rachados ou sangrando não são um efeito colateral comum da amamentação, e sim sinal de que a “pega” do bebê não está correta. Amamentar não deve doer.
Caso seus mamilos rachem ou sangrem, veja abaixo algumas dicas do que fazer:

  • Vá ao médico assim que possível. Pode ser o pediatra do seu filho, o ginecologista, a maternidade em que você deu à luz ou um banco de leite. Leve o bebê com você. É importante verificar se a pega do bebê no seio está correta, para que ele se alimente bem sem machucar seus mamilos, e para isso você vai ter de mostrar como está dando de mamar.
    Com a orientação adequada, a amamentação não deve provocar nenhuma dor. Coloque seu filho de frente para o seio, com o rosto voltado para o seu corpo. A boca dele precisa estar bem aberta para que uma boa parte do mamilo e da aréola seja abocanhada.
  • Não use sabonetes, álcool, pomadas ou perfume nos mamilos. A limpeza da área somente com água é suficiente.
  • Faça um banho de sol na região. Expor os seios durante 15 minutos à luz do sol ajuda na cicatrização. O horário ideal é antes das 11h e depois das 16h, por 10 a 15 minutos, sem filtro solar. Uma maneira discreta para tomar sol de dentro de casa ou do apartamento é usar uma camiseta cor da pele ou estampada com um pequeno círculo recortado na altura de cada mamilo. Assim, pelo menos à distância, não parece que você está sem blusa. Só não pode esquecer e sair por aí com a blusa cortada!
  • Passe o próprio leite materno ao redor dos mamilos. Faça isso antes e depois de amamentar — ajuda nas rachaduras e a prevenir infecções.
  • Tome um analgésico. Se a dor for muito forte, tome um analgésico cerca de 30 minutos antes de dar de mamar. Não deixe de conversar com seu médico sobre o tipo de remédio mais adequado ao seu caso.

O uso de conchas especiais no intervalo entre as mamadas pode ajudar na cicatrização, porque diminui o atrito do mamilo com o tecido do sutiã ou com o absorvente para seios.

Não se deve dar o leite que fica armazenado nessas conchas para o bebê.

Se a rachadura ou algum machucado não derem sinal de melhora, marque uma consulta com seu médico o quanto antes.

Posso continuar amamentando? O machucado nos mamilos vai prejudicar o bebê?

Você pode, sim, continuar amamentando. Os bebês geralmente ignoram a dor da mãe. Sangue no leite não causa nenhum dano ao seu filho.

A questão mais importante nesse caso é corrigir o problema e cicatrizar o mamilo o mais rápido possível, para que a amamentação volte a ser prazerosa para vocês dois.

Não se assuste se vir sangue num regurgitamento ou num vômito do bebê (às vezes a presença do sangue no leite pode irritar um pouco o estômago do bebê e provocar náusea ou vômito). Se seu seio estiver rachado, provavelmente o sangue é seu, não dele. Fique de olho e, se não melhorar, fale com o médico.

Também é muito importante ter certeza de que a pega do bebê está certa porque isso pode influenciar no ganho de peso da criança.

Se ela não estiver pegando o peito direito, pode acabar tomando muito do leite inicial, que mata a sede e é menos calórico, mas não um volume suficiente do leite posterior, do fim da mamada, rico em calorias. Se isso acontecer, a criança tende a não ganhar peso direito.

Fonte: https://brasil.babycenter.com