Central de agendamento: (19) 3886.2444 | 3876.3435 | 3836.3839 | 3836.3894 | Facebook

SÍNDROME DAS PERNAS INQUIETAS

​O que é

A Síndrome das pernas inquietas (SPI) é caracterizada​ por uma sensação mal definida de incômodo e desconforto nos membros inferiores, associada à uma necessidade irresistível de movimentação que alivia os sintomas. Cerca de 21% a 57% dos pacientes que descrevem a SPI apresentam sintomas também nos membros superiores. Os sintomas descritos pelos pacientes pioram no período noturno, podendo dificultar o início do sono.
Sintomas
Caracterizado por incomodo nas pernas que obriga o paciente a se movimentar. A sensação piora no repouso, no final do dia e no início da noite.
Incidência
A SPI é descrita como um distúrbio do sono relacionado aos movimentos na Classificação Internacional dos Distúrbios do Sono (ICSD3). Sua prevalência varia de 5 a 30% dependendo da população estudada.
Causas
O histórico familiar de SPI é comum, acontece com maior frequência em idosos e mulheres (também na fase de gestação). Pode ter relação com doenças sistêmicas, como a insuficiência renal crônica, o diabete melito, deficiência de ferro, e associada ao uso de algumas medicações.
Diagnóstico
Clínico. Os pacientes normalmente apresentam dificuldade para o início e manutenção do sono.
Tratamento
Com medicação específica. No entanto, o tratamento não medicamentoso também é muito importante. A melhora dos hábitos de vida, como a cessação do tabagismo, a redução da cafeína, a retirada dos medicamentos causadores da SPI, reposição alimentar de ferro e atividade física contínua podem ajudar no controle do distúrbio. ​
Fonte: https://www.einstein.br