É a especialidade em doenças circulatórias periféricas como varizes, erisipela, flebites, aneurismas, gangrenas e tromboses venosas. Dependendo da ocorrência, a doença de origem circulatória é corrigida por meio de intervenções clínicas ou cirúrgicas.

Uma das principais e mais comuns ocorrências são as varizes, um problema com grande incidência entre as mulheres, que são caracterizadas por veias dilatadas, com alterações nas suas funções de transportar o sangue.

Para evitar doenças circulatórias periféricas é necessário consumir alimentos com pouca gordura e rica em fibras, pois essa combinação evita o acúmulo de gordura, cálcio e outros elementos nas artérias. Manter atividades físicas regulares também auxilia na prevenção.
Solicite um agendamento